Tendências pendentes sintéticos para guindastes

O Eng. Fernando Fuertes em parceria com a holandesa Fibremax apresentam ao mercado brasileiro as tendências pendentes sintéticos para guindastesque vem sendo largamente utilizados em novos projetos e na substituição dos pendentes metálicos em guindastes, grandes escavadeiras atuantes na mineração, torres estaiadas, projetos de energia eólica, ancoragem subaquática entre outras aplicações. O uso desta tecnologia irreversível traz grandes vantagens de manuseio, redução do tempo de instalação, redução de custos de manutenção e notável aumento de vida útil quando comparado ás soluções tradicionais metálicas. Boa leitura e estamos á disposição para quaisquer dúvidas e/ou solicitações técnico/comerciai.

No mundo dos guindastes, novas tendências se consolidaram: maiores, mais altos, mais pesados ​​e eficientes. Devido a isso, os fabricantes de guindastes foram forçados a investir em pesquisa e desenvolvimento buscando formas de atingir estas novas tendências.

Alguns dispositivos inovadores de alta performance, tecnologia e segurança têm sido criados e aplicados em guindastes sobretudo pelos grandes fabricantes. Um forte exemplo destas tendências são os pendentes sintéticos para guindastes.

Estes pendentes sintéticos foram criados e aplicados na indústria de guindastes e da mineração nas últimas duas décadas e vem ganhando espaço frente aos pendentes metálicos, com significativas vantagens na manutenção, operação, segurança e vida útil.

Os pendentes sintéticos são muito robustos e oferecem uma ampla gama de benefícios aos usuários. São muito leves, fáceis de instalar, transportar e não requerem manutenção.

Normalmente os guindastes são equipados com pendentes de cabos de aço pesados ​​e terminais especiais em aço. Uma redução significativa de peso pode ser alcançada. Como exemplo de comparação, um pendente sintético de 60 metros de comprimento com uma carga de ruptura mínima 1.950 toneladas (16.200 kN) possui massa aproximada de 1.300 kg enquanto um cabo de aço com as mesmas características alcançara massa aproximada de 8.100 kg. Temos uma grande redução de 84% !

Devido ao reduzido peso dos pendentes sintéticos, estes não danificam a estrutura da pintura da lança ou outras partes do guindaste. Além disso, o uso de pendentes mais leves permitirá que os fabricantes de guindastes móveis sob esteiras ofereçam lanças treliçadas mais compridas. Os pendentes sintéticos não apresentam alongamento na fabricação, fazendo com que sejam resistentes, compridos e alcancem longa vida útil.

Longa vida útil: até 750.000 ciclos de carga
Os pendentes sintéticos apresentam várias vantagens em comparação com as soluções de aço em alguns casos já ultrapassadas. Apresentam alongamento estrutural praticamente nulo e possuem maior resistência às influências ambientais e químicas. Isso faz com que os pendentes sintéticos tenham maior vida útil e sejam mais fáceis de se manter ao longo dos anos. Um guindaste terrestre é geralmente produzido para durar cerca de vinte anos com aproximadamente 16.000 ciclos de carga. Os pendentes sintéticos feitos de aramida, como os da holandesa FibreMax, foram testados e podem alcançar até 750.000 ciclos de carga, fato que ultrapassa os dados de projeto do guindaste em 40 vezes.

Com os guindastes cada vez maiores, o fator peso passa a ter maior relevância do que anteriormente. Através da substituição dos pendentes metálicos pelos sintéticos, os fabricantes de guindastes poderão adicionar outros recursos essenciais tal como baterias ou um motor elétrico, permitindo desta forma maior eficiência e progressos.

Com o peso reduzido, assim como as facilidades de transporte e a redução de contrapesos, os pendentes sintéticos para guindastes são ecologicamente corretos durante o uso para as empresas. Além disso, a longa vida útil desses equipamentos auxilia na redução do impacto ambiental, uma vez que não precisam ser substituídos por muitos anos. Em comparação com os cabos de aço, os pendentes sintéticos são 99% recicláveis mesmo após o uso em um guindaste. Devido a todos esses fatores, os pendentes sintéticos facultam o desperdício zero e uma imagem mais ecológica para os fabricantes de guindastes e seus usuários.

A fibra de aramida é o fator chave
Os pendentes sintéticos para guindastes são feitos de aramida (uma das fibras mais fortes do mundo) e são projetados sob medida para uma grande variedade de aplicações. As fibras de aramida possuem alto nível de resistência e módulo, além de reciclabilidade e baixa emissão de carbono. Além disso, são fibras muito robustas com alto módulo, sem deformação e resistentes a impactos químicos e ambientais. Já o HMPE oferece força máxima com peso mínimo. O aumento da resistência e a redução de peso proporcionam vantagens significativas no manuseio aprimorado e maior segurança.

Os cabos sintéticos também podem ser produzidos de carbono e são tão fortes quanto os cabos de aço, poliéster ou poliamida em diâmetros notavelmente menores e mais leves com a mesma carga de ruptura mínima. O aumento de força e a redução de peso oferecem notáveis vantagens aos usuários.

Para tornar as fibras mais fortes ainda mais fortes, a Fibremax, um dos principais fabricantes de pendentes sintéticos do mundo, está incorporando terminações customizadas para eliminar eventuais pontos frágeis com a máxima eficiência.

Pendentes sintéticos para guindastes constroem o futuro: emissões mais baixas com peso reduzido, maior durabilidade do que o próprio guindaste e são mais fáceis de manusear do que nunca.

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *